Missão RIO ( Paraty )

A missão Paraty/RJ teve um mover de DEUS espetacular e sobrenatural, e apesar de ter sido realizada em outubro de 2017 ( dia 14 ), para contá-la, devemos voltar algum tempo atrás.

Orando em uma igreja em Belo Horizonte, prostado no chão, a 4 anos atrás, eu ( Denis Rodrigues ) quando me levanto, sou procurado por um pastor, que prontamente me informa que teve uma visão, onde me via de joelhos, orando, e também enxergava uma figura como a letra (Y), de cabeça para baixo, sendo que a mesma parecia estar em chamas ou pegando fogo. E eu fiquei muito intrigado com esta visão do irmão, deste pastor muito respeitado,  e entendi como uma instrução de DEUS para com minha vida, e para com o MUDE e guardei aquelas palavras no coração.

Ainda na mesma semana, andando pelas ruas de Belo Horizonte, buscando e tentando entender de DEUS o que poderia ser este (Y) de cabeça para baixo, pensava no símbolo da JOCUM a qual conhecia tanto, mas não conseguia sentir de DEUS que era isto, também pensava em várias outras situações, e ao virar uma rua, avistei na traseira de um carro, mais precisamente na proteção do pneu sobressalente deste veículo, a imagem do mapa da estrada real. Imediatamente fui tomado por um sentimento de testificação, e sentia que DEUS estava querendo falar comigo sobre este assunto, ou seja,  sobre a estrada real. Observei que o formato deste mapa era exatamente como a figura que aquele pastor havia descrito a mim. Também se assemelhava como uma veia central com uma divisão que terminava tanto na cidade de Paraty, quanto na cidade do Rio de Janeiro. E fui orar a este respeito, e  neste mesmo período, eu também estava muito focado na cidade do Rio de janeiro. Já havia feito algumas incursões nesta cidade, e percebia, que o Rio de Janeiro era um grande portal espiritual para este país, tanto de entrada, quanto de saída. Talvez o maior portal de influência do Brasil. Fizemos a missão RIO, e fui entendendo cada vez mais que a estrada real, tinha tudo a ver com situações históricas do país, de maldições, de roubo, de mentiras e de algo que DEUS queria muito me mostrar, e ainda me faltava ter este entendimento sobre a situação de Paraty.

Fui pedindo um esclarecimento e confirmações de DEUS, e elas foram sendo enviadas, e fui encaixando o quebra-cabeças. Um belo dia, estando triste em casa devido a uma situação pessoal familiar, o Senhor me mandou caminhar, simplesmente andar e passear. E saindo sem rumo,  fui parar  na praça Israel Pinheiro (dita praça do Papa), e cheguei exatamente no momento em que um caminhão estava colocando, um barco gigantesco nesta praça, e que seria exposto ali como uma obra de arte, a pedido de um artista indiano ( Subodh Gupta ), onde ele usaria esta mesma embarcação para expressar algo do entendimento dele.  E esta embarcação, que trazia o nome de (Donna D), havia sido trazida de Paraty. Pesquisei sobre o artista, e vi que ele expõe obras de artes pelo mundo todo, normalmente caveiras gigantescas feito de metais e em cidades importantes e ricas do velho continente. E tive um entendimento que aquele fato, deste barco estando ali, tinha tudo a ver com o contexto da estrada real, pois desde o Brasil colônia, as riquezas deste país, principalmente metais e pedras preciosas são espoliadas  do Brasil, sendo levada para a Europa através de barcos, como este exposto na praça, e coincidentemente de Paraty, que foi um dos principais portais de saída desta riqueza do país, começando pela estrada real. Começamos ali, uma oração de repreensão, para que o Brasil deixasse de ser espoliado por outras nações de forma injusta,  principalmente para alimentar a maçonaria e outros países colonizadores.  E este barco foi retirado daquela praça de Belo Horizonte, tendo retornado para Paraty.

Um outro fato interessante, chave do quebra cabeça, é que resido em um imóvel que possui antena parabólica a muitos anos, e que faz conexão apenas com a TV do RJ, ou seja, todo o noticiário, propagandas, toda a grade, é proveniente do RJ, e várias vezes aparecia matérias deste canal, RIO/SUL, que é uma subsidiária da rede Globo em Paraty, e fui estudando, acompanhando aquela cidade, tentando entender esta situação do por que  Deus queria tanto me fazer conhecer  aquele local.

Senti que era de DEUS ir lá, e fiz uma primeira visita em Paraty, e vi que a cidade é toda maçônica, foi praticamente toda construída por maçons, possuí 33 ruas e 33 esquinas, possuí muitas alusões de imagens e estruturas maçônicas, até mesmo no fundo do mar onde possui um símbolo enorme também maçônico, e pude entender então que Deus me atentou para estes fatos, para que eu orasse com o propósito de destruir as influências destes principados, e potestades manifestadas ali. ( Efésios 6:12 )

E então nós fizemos uma primeira incursão com o MUDE no dia 10 de dezembro de 2016, levamos nosso ônibus, com toda aparelhagem, com toda banda, com toda a equipe e foi simplesmente terrível, por que o ônibus estragava o tempo inteiro durante o percurso. Levamos praticamente 20hs para chegar próximo de Paraty, onde a estrada não permitia mais seguir adiante com o ônibus, e não conseguimos entrar na cidade. Perdemos toda a estrutura que tínhamos montado, foi uma decepção, algo muito desanimador, terrível para nós.

Então sobre esta  primeira incursão falha, DEUS quis nos mostrar  e ficou muito claro, que  deveríamos estudar mais sobre a cidade, nos inteirar mais do local, entender mais esta situação espiritual, que se mostrara muito forte. E orando, as palavras que vinham até nós, eram as mesmas do apóstolo Paulo, que dizia que ele fora impedido pelo espírito de ir, ( Atos 16: 6-7 ) e outras vezes pelo o próprio satanás que se se opunha contra ele, impedindo que ele voltasse em algumas cidades ou que ele fosse em algumas delas. ( 1 Tessalonicenses 2:18 ). E nós vimos que foi uma investida muito forte do inimigo, e vimos que era algo muito sério.

Posteriormente, oramos muito, pesquisamos muito, a banda ensaiou bastante, trabalhamos e buscamos muito do Senhor, e Deus nos mostrou uma série de situações gravíssimas, dentre elas pessoas de fama no Brasil, que possui residências lá, verdadeiros bruxos. Situações também, não só da maçonaria, mas também envolvendo a  família real brasileira, os Orleans e Bragança, e o fato da filmagem daquela saga “Crepúsculo” ter sido realizada em uma casa em Paraty, justamente na tomada de sexo entre um ser humano e uma figura não humana, com causa e consequência do nascimento de uma criança nefilim, tudo relatado neste filme e exibido para o mundo todo ver e aplaudir. Traremos muitas postagens específicas sobre estes temas em Paraty, levantando todas estas questões tão desapercebidas pela grande maioria e tão importante no mundo espiritual.

E então, munidos de toda estas informações, nós nos propusemos em ter  um segundo levante de evangelismo na cidade, e DEUS nos mostrou um evento, uma segunda oportunidade, que era uma marcha para Jesus ( terceiro ano ), envolvendo algumas igrejas evangélicas. Eu pedi ao Pastor Hélio, da igreja Brasil para Cristo, e ele conseguiu nos encaixar no evento que seria realizado no final da marcha. Este evento contaria também com um shouw de uma artista gospel famosa,  que  estaria finalizando as atividades programadas para aquele dia.

Antes de sairmos em viagem, nós oramos bastante, jejuamos, buscamos em DEUS a proteção e uma consagração para este propósito.  No dia da viagem, novamente o inimigo tenta se manifestar tentando nos impedir. O nosso ônibus estava com o para brisa quebrado, desde o incidente no último evento de evangelismo nas escolas, e o mesmo seria trocado no dia anterior. Porém, o para brisa que chegou, estava errado, diferente do necessário, impedindo-nos de seguir viagem com o ônibus. A solução foi seguir viagem através de carros, e houve uma separação no grupo. E infelizmente, alguns irmãos não puderam ir, e acreditamos que este fato também teria sido um cuidado de DEUS.

Seguimos viagem em quatro veículos, partindo na noite de sexta feira ( dia 13 de outubro ), logo após uma ministração em uma igreja Batista, onde também o Senhor nos abençoou com uma palavra dada específica à aquela igreja.

Chegamos na manhã de sábado dia 14 de outubro, e fomos recebidos por um  casal, pessoas maravilhosas de DEUS, um braço do MUDE na cidade de Paraty, e proprietários de uma das melhores  pousadas daquela cidade. Toda a equipe foi amparada, abençoada e cuidada por este casal.

E foi maravilhoso, por que DEUS tinha me dado uma visão de um grande palanque, ao lado da igreja Matriz de Paraty, igreja católica que fica no centro antigo da cidade, e após a marcha para Jesus, ao passar por um caminho que seria um beco, chamado, beco do propósito 2, quando chegamos,  me deparei com o palanque armado gigantesco, confirmando a visão, pois era exatamente o que o Senhor havia me mostrado.

Também tinha ouvido de DEUS , que a banda MUDE só tocaria depois de todas as apresentações. E portanto, só poderíamos realizar a ministração de TROCA DE ALTAR, de baal,  maçonaria,  principado de Roma, que estavam juntos ali a muitos anos, décadas ou mesmo séculos, formando um grande principado, somente após findada todos os eventos.

E nós fomos prontos, ungidos, com entendimento certo, e tudo correu perfeito. O Inimigo até tentou  impedir esta apresentação, mas DEUS operou de forma milagrosa, e nós pudemos então ministrar ali e fizemos a TROCA DE ALTAR.

Paraty, uma cidade que outrora fora noticiada, e baseada em muitas informações como sendo a cidade com o maior número de assassinatos por habitante, no estado do Rio de Janeiro, a maioria dos casos em virtude do tráfico de drogas, que é muito intenso. E as pessoas, na maioria jovens, eram  mortas geralmente por armas de fogo, e com disparos atingindo a cabeça. E nós vimos lá uma estrutura, feita por um artista plástico, e que foi colocada pela prefeitura, exatamente do outro lado do rio, logo em frente a igreja Matriz. E nesta estrutura, continha muitas diferentes cabeças de barro, com furos, geralmente na região do cérebro. E nos descobrimos também, que a maioria destas pessoas mortas, eram decapitadas de forma cruel, para afrontar as facções, com certeza uma situação muito espiritual. Também entendemos que esta estrutura, tinha a ver com esta situação. E tão logo realizamos a troca de altar, fomos até ela, oramos contra, e repreendemos o espírito maligno ali contido.

E DEUS nos mostra agora, a necessidade da continuação do trabalho em Paraty,  para ministrarmos para as igrejas formando um espírito de unidade, de ousadia e intrepidez, para irmos contras as portas do inferno nesta cidade, contra estes principados, no poder do nome de Jesus. Nos mostrando  onde devemos atacar e agir, principalmente evangelizando estes bairros, onde o tráfico é muito intenso, onde existem muitas pessoas envolvidas. E agora estamos ministrando sobre este evangelismo e sobre esta batalha espiritual, e cremos em uma grande vitória da parte do nosso Senhor Jesus, nosso salvador e nosso rei, e temos a certeza que DEUS TROCOU, de uma vez por todas o altar que foi outrora erguido para baal, rainha dos céus que existia ali, pelo altar do grande EU SOU, altar de ELOHIM, de YESHUA nosso Senhor.

 

Galeria de Fotos

Fotos – Missão Paraty/RJ – (14/10/2017)